A língua portuguesa e a língua espanhola derivam do latim, ou seja, possuem a mesma raiz. É por isso, inclusive, que guardam algumas boas semelhanças – quem ao menos uma vez na vida não arriscou um portunhol? 

Mas, quando observamos os dias da semana dessas duas línguas, notamos algo bastante curioso. Neste caso em específico, são completamente diferentes. Em espanhol, falamos e escrevemos Lunes (do latim Lunae), Martes (Martis), Miércoles (Mercurii), Jueves (Jovis), Viernes (Veneris), Sábado e Domingo. Já no nosso português, os dias da semana são Segunda-feira, Terça-feira, Quarta-feira, Quinta-feira, Sexta-feira, Sábado e Domingo, portanto bem diferente.

Leia também:

Diferenças e semelhanças entre espanhol e português

Línguas exóticas para aprender online por aplicativo

Museu da Língua Portuguesa será reaberto em julho

Presença de tradição cristão e pagã

Ou seja, enquanto o português faz uma contagem numérica sequencial, o espanhol usa nomes de outra tradição. Na língua oficial da Espanha, os dias da semana remetem aos astros, isto é, pela ordem, Lua, Marte, Mercúrio, Júpiter e Vênus, fazendo conexão também com deuses greco-romanos, como Marte, deus romano da guerra e guardião da agricultura; Júpiter, deus dos céus, dos trovões e dos relâmpagos; ou Vênus, deusa do amor e beleza.

Porém, um evento interessante é que o espanhol, mais ligado ao paganismo, acabou preservando a influência católica do sábado e do domingo.

Enquanto isso, o português sofreu influência da tradição cristã, oriundo do latim eclesiástico, lá na Idade Média. A palavra domingo deriva do latim “dies Dominica”, ou “dia do Senhor”. A tradição dos nomes vem de um evento curioso. 

O dia da celebração religiosa era o que reunia o maior número de pessoas. Assim, os comerciantes ficavam no entorno do templo religioso para vender seus produtos. Este era o primeiro dia de feira. Portanto, o dia seguinte era a segunda-feira, depois a terça-feira, a quarta-feira e assim sucessivamente até chegar ao sábado, o dia do descanso, e o último da semana na visão judaica.

Enumeração em outras línguas e outras curiosidades

Essa enumeração dos dias da semana não é algo tão comum nas línguas latinas, mas encontramos semelhanças. Por exemplo, árabe, línguas eslavas e grego seguem esse mesmo padrão da língua portuguesa, só que cada um por seus motivos próprios, diferentes dos que falamos acima no português.

Vale citar que no espanhol todos os dias da semana são masculinos. Em português, apenas o sábado e o domingo são masculinos. Os outros cinco dias da semana são femininos.

Por fim, em espanhol, o plural dos dias da semana acontece apenas com a colocação do artigo em plural, e não acrescentando a letra “s” ou, em alguns casos, “es” como ocorre com outras palavras.

gama-branco

A Gama! surgiu da iniciativa de profissionais do mercado de tradução que, após 10 anos de experiência na coordenação de projetos de tradução escrita e interpretação simultânea, perceberam a carência do mercado por uma agência que seguisse padrões internacionais na qualidade dos serviços prestados e no relacionamento com o cliente – não importando onde o cliente esteja.

+55 11 2081-0447

 Envie um e-mail

2022 © Gama! Traduções e Interpretações. Política de Privacidade | Termos de Uso