Photo by Rafaela Biazi on Unsplash

A Língua Portuguesa, que tem como origem o Galego Português, uma língua pertencente ao tronco indo-europeu, tem hoje algumas variações consideráveis. Embora a gente ainda pense que o português é, por natureza, uma língua única, a bem da verdade é que, nos dias atuais, existem (se podemos falar assim) algumas línguas portuguesas. 

É o caso de Portugal, por exemplo. Quando pensamos no país europeu, pensamos em uma língua unificada, mas, na medida em que olhamos com um pouco mais de profundidade (e as mídias digitais ajudam nisso), notamos que o português que se fala naquele país é bem diferente do que o encontrado em terras brasileiras.

Leia também:

Saiba como a Gama! pode contribuir com sua empresa

Conheça os idiomas presentes na Copa do Mundo 2023

Veja os principais desafios da tradução técnica

No dia a dia, para os brasileiros, pode haver alguma dificuldade em compreender o português dos nossos irmãos europeus. E isso acontece não apenas por uma questão de léxico, ou seja, as palavras em si, mas também por conta da questão sintática, isto é, a forma como as orações em si se organizam.

Influência indígena e africana

Segundo especialistas em línguas, isso acontece, dentre outros motivos, pelas diferentes influências dos povos indígenas e africanos, que fazem parte da nossa cultura, o que diferencia nosso português do restante das outras nações de língua portuguesa no mundo. 

Isso significa que o português do Brasil não se restringe em sua origem ao tronco Indo-Europeu e da Língua Galega, mas tem como base também a influência dos povos indígenas e dos povos africanos, tão presentes no país.

Esse é o motivo pelo qual é difícil responder a uma pergunta básica, como “de onde vem o português”, pois, antes, tem de se responder a uma outra questão: “de qual português estamos falando?”.

Nunca é demais lembrar: a língua é um organismo vivo, que vai se moldando ao longo do tempo, por isso sofre modificações em seu cotidiano. Portanto, dentro do contexto linguístico, não existe uma ideia de algo definitivo, imutável. Esse conceito ajuda a entender as particularidades do português do Brasil.

Língua Portuguesa é difícil de aprender?

Existe uma ideia muito propagada de que o português é uma língua difícil de aprender, incluindo os próprios nativos. Porém, de acordo com a professora Sofia Menezes, não existe até então uma base linguística e até mesmo científica para sustentar tal pensamento. Mais: nenhuma língua é mais difícil que a outra. 

“Dentro da nossa estrutura mundial hoje a referência é tudo que vem de uma comunidade germânica. Só que a língua portuguesa vem do tronco indo-europeu e, consequentemente, é uma língua latina. Se você pega uma pessoa que fala alemão ou inglês, por exemplo, que são de origem germânica, por consequência, ela vai ter mais dificuldade com uma língua latina, porque vem de famílias diferentes”, comenta Sofia. 

Ela continua: “o mesmo vale para nós, do Brasil. O espanhol pode soar um pouco mais fácil. Mas não é porque o espanhol é uma língua mais fácil em si, mas é porque o português é como um primo do espanhol, pertencem à mesma família, das línguas neolatinas”, finaliza.

Leave a comment

gama-branco

A Gama! surgiu da iniciativa de profissionais do mercado de tradução que, após 10 anos de experiência na coordenação de projetos de tradução escrita e interpretação simultânea, perceberam a carência do mercado por uma agência que seguisse padrões internacionais na qualidade dos serviços prestados e no relacionamento com o cliente – não importando onde o cliente esteja.

+55 11 2081-0447

 Envie um e-mail

2023 © Gama! Traduções e Interpretações. Política de Privacidade | Termos de Uso