Se ainda não precisou, certamente ainda precisará ter seu currículo em inglês para apresentar em uma nova oportunidade de trabalho. É melhor não ser pego de surpresa e já deixar pronto seu currículo traduzido para a língua inglesa. Não é raro a pessoa, de última hora, movida pela pressa, recorrer às ferramentas de tradução on-line, o que pode ser altamente prejudicial. O recrutador não terá dificuldades para perceber que as traduções não foram feitas de maneira correta, e isso pode eliminar suas chances no processo seletivo logo de cara. A dica aqui é, antes de tudo, ter um currículo impecável em português para depois traduzi-lo para o inglês, de preferência com profissionais especializados em tradução.

Vamos compartilhar algumas dicas para te ajudar nessa elaboração e apresentar algumas palavras que podem ser úteis para você incrementar seu currículo em inglês.

Diferenças

Se a vaga pretendida for para o Brasil, mantenha a mesma estrutura do currículo em português. Caso contrário, opte pelo estilo usado em inglês – é bom conhecer os padrões internacionais e características do país em questão -, e dispense informações como religião, estado civil, se tem filhos e até mesmo a foto.

Aparência

Distribua as informações de forma harmoniosa e que seja fácil de ler. Toda a sua história profissional deve estar resumida em apenas uma página. Duas páginas apenas para quem tem muitos anos de estrada. Então, use o seu poder de síntese. E não adianta recorrer a fontes pequenas para ganhar espaço na página. Use fontes legíveis maiores do que o tamanho 10.

Organização

Coloque as informações em blocos distintos. A sugestão de ordem é dados pessoais (personal information); objetivo (objective); experiência profissional (professional experience); formação acadêmica e idiomas (qualifications and key skills); cursos extracurriculares (extracurricular activities).

Ferramentas de tradução

A tradução ao pé da letra ou feita por tradutor automático pode ser um tiro no pé. Tome cuidado, pois a chance de escorregar é grande. Alta gerência, por exemplo, pode gerar confusão. O certo é “top management”, mas alguns poderiam pensar em “high management”. Já a tradução correta de “folha de pagamento” é “payroll”, e não “payment sheet”.

Palavras fortes

Use as palavras certas e que demonstrem ação para transmitir a ideia de um profissional ativo e autoconfiante. Por exemplo, created (criei), led (liderei) e directed (dirigi). É uma maneira de chamar a atenção do leitor.

Veja abaixo uma lista de palavras importantes que podem ser acrescidas ao seu currículo junto ao significado em português:

Trabalho voluntário – volunteer work

Grandes conquistas – major accomplishments

Graduado – B.A. ou B.S.

Mestrado – Master’s

Doutorado – PhD

Recursos Humanos – human resources ou HR

Fluente em inglês – fluent in English

Certificações e licenças – certification and licences

Viagens – international trips

Pretensão salarial – expected salary

Responsável – responsible

Cargo – position

Conhecimentos de Informática – computer skills

Estágio – internship

Por último, sempre revise seu currículo e faça a seguinte pergunta a si mesmo: “Eu me contrataria?” Se a resposta for sim, siga em frente. Se for não, é válido analisar alguns pontos e aparar arestas. Mas em hipótese alguma adie a missão de ter seu currículo em inglês. Boa sorte!

Leave a comment

gama-branco

A Gama! surgiu da iniciativa de profissionais do mercado de tradução que, após 10 anos de experiência na coordenação de projetos de tradução escrita e interpretação simultânea, perceberam a carência do mercado por uma agência que seguisse padrões internacionais na qualidade dos serviços prestados e no relacionamento com o cliente – não importando onde o cliente esteja.

+55 11 2081-0447

 Envie um e-mail

2022 © Gama! Traduções e Interpretações. Política de Privacidade | Termos de Uso